Legado: uma exposição indígena para as futuras gerações

Centro Cultural dos Povos da Amazônia

LEGADO DE UMA EXPOSIÇÃO PERMANENTE DA AMAZÔNIA PARA GERAÇÕES FUTURAS

Fruto de pesquisas incansáveis desde o século 19, quando a Amazônia passou a ser vista como cenário de conhecimento da humanidade e por isso necessitava ser pesquisada minuciosamente e preservada, o Centro Cultural dos Povos da Amazônia, inaugurado em maio de 2007, é um espaço aberto, onde são valorizados e divulgados estudos sérios, feitas por estudiosos renomados, sobre os países da Amazônia Continental: Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname, Venezuela e Guiana Francesa.

Foto da capa: Roberto Santos

A Lenda do Muiraquitã

As pedras verdes ou pedras das Amazonas prende-se a lenda das mulheres guerreiras que na foz do Rio Jamundá atacaram Orellana e seus companheiros.

O muiraquitã é um fetiche de pedra dura que os índios traziam pendurado ao pescoço, é um dos achados que mais despertam curiosidade desde os primeiros cientistas exploradores da calha do Rio Amazonas e seus afluentes.